google5249a4f34a492e14.html[google5249a4f34a492e14.htmsnippet assíncrono. BLOG DO DIDI : Janeiro 2012

Visitantes On-line...

SEJAM BEM VINDO A MEU BLOG !


ACESSOS DO BLOG
Tenha seu Contador Grátis em www.CodigoFonte.net

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

BOA NOITE A TODOS!

Há um momento de nossa vida que até as nossas lágrimas nos consolam, porque, muitas vezes, choramos de raiva para não maltratar alguém. E buscamos a nossa força e o nosso consolo diante de Deus.

Fotos raras de índios isolados na Amazônia peruana são divulgadas Imagens mostram de perto família de indígenas da etnia Mashco-Piru. Registro foi feito durante expedição que buscava pássaros da Amazônia.

 A organização ambiental Survival International divulgou nesta terça-feira (31) imagens inéditas que mostram, de perto, índios isolados da etnia Mashco-Piro que vivem no Parque Nacional de Manú, localizado dentro da Amazônia, no Peru.
As fotos de uma família desta etnia foram realizadas entre agosto e novembro de 2011, durante expedição da fotógrafa Gabriela Galli ao sudeste peruano, que buscava registrar pássaros da Amazônia quando encontrou alguns índios próximo a um rio. Não houve contato com os índios, segundo a ONG.
índios isolados na Amazônia peruana (Foto: Gabriella galli/Survival/Divulgação)Primeiras imagens feitas de perto da aldeia de índios isolados Mashco-Piro, que vivem na Amazônia peruana (Foto: Gabriella galli/Survival/Divulgação)
De acordo com a Survival, os Mashco-Piro são uma das tribos isoladas que já foram detectadas ao redor do mundo (são cerca de cem). Entretanto, a organização afirma que está cada vez mais difícil de visualizá-los dentro do parque. Atividades madeireiras e de extração de gás e petróleo na região podem causar dificuldades à pesquisa -- com medo, eles entram para mata fechada.
Em 2011, o Departamento de Assuntos Indígenas do Peru anunciou a criação de um posto de guarda na área para proteger os índios e a população, já que o primeiro contato pode ser perigoso para ambas as partes, afirma Stephen Cory, diretor da Survival.
índios isolados na Amazônia peruana (Foto: D.Cortijo/Survival/Divulgação)Família de índios isolados da etnia Mashco-Piro, na Amazônia peruana (Foto: D.Cortijo/Survival/Divulgação)
índios isolados na Amazônia peruana (Foto: D.Cortijo/Survival/Divulgação)Imagens foram feitas durante expedição de fotógrafos na Amazônia peruana (Foto: D.Cortijo/Survival/Divulgação)

'Fina Estampa': Griselda espanca Tereza Cristina


'Fina Estampa': Griselda espanca Tereza Cristina De acordo com a colunista Regina Rito, do jornal O Dia, Griselda (Lilia Cabral) dará uma surra em Tereza Cristina (Christiane Torloni) na novela Fina Estampa.

A vilã tentará sabotar o casamento de Amália (Sophie Charlotte) e Griselda ficará furiosa. Ao descobrir a tramoia da perua, ela partirá para cima de sua rival e lhe dará uma surra. Ainda não há data confirmada para exibição das cenas.

Danou-se: Paraibanas denunciam plágio e garantem que são autoras do hit 'Ai se eu te pego'; veja provas


Uma das músicas mais executadas em 2011 e que ganhou o mundo no início deste ano tem sua autoria questionada por um grupo de sete jovens paraibanas.
A música “Ai se eu te pego”, que deu uma guinada na carreira do cantor Michel Teló, é apresentada como sendo de autoria de Sharon Acioly e Dyggs.
Entretanto, as jovens residentes em João Pessoa afirmam – e mostram provas – de que a música é de autoria delas e surgiu como uma brincadeira, durante uma viagem.
Orientadas por seu advogado, as jovens fizeram o registro da letra do refrão da música em cartório de João Pessoa e estão entrando com ação na Justiça exigindo a correção na autoria da música, bem como o recebimento dos dividendos que sejam legalmente atribuídos aos autores mediante o sucesso da música.
HistóricoAs amigas Marcella Quirino Ramalho, Maria Eduarda Lucena dos Santos, Amanda Borba Cavalcanti Queiroga, Karine Assis Vinagre, Aline Medeiros da Fonseca, Thayná Braga Borges e Amanda Grasiele Mesquite Teixeira da Cruz participaram, em julho de 2006, de uma excursão as Disney.
Durante a viagem as meninas começaram a cantar o refrão da música “Nossa, assim você me mata, ai se eu te pego, ai ai se eu te pego, delícia”, onde cada uma acrescentava um pedaço e criaram até mesmo a coreografia que a acompanha.
A música “inventada” pelas jovens acabou se tornando uma espécie de tema para elas, que a cantavam sempre que se reuniam.
Em 2008, numa outra excursão, desta vez para Porto Seguro, na Bahia, as meninas foram ao complexo de lazer Axé Moi, onde uma das atrações era a cantora Sharon Acioly.
Sharon viu e ouviu as jovens cantando sua musiquinha-tema, com direito a coreografia, e as convidou para subir ao palco. Em um vídeo amador, a cantora chega a atribuir às meninas de João Pessoa a autoria da música.
Entretanto, quatro anos depois, com o sucesso espantoso da música, Sharon se esqueceu das meninas e assume a música como sendo dela, em parceria com Diggs, que teria criado a única estrofe que a música tem. 
Wanja Nobrega

Prefeitura de Monteiro publica edital de concurso público municipal


 Foi publicado o edital para o concurso público da Prefeitura de Monteiro disponibilizando 344 vagas para diversas áreas da administração municipal.

O período de inscrições será de 31 de janeiro a 15 de fevereiro, no horário das 08h00 às 12h00 e das 13h00 às 17h00. Para a inscrição, o candidato deverá apresentar documento de identificação e através de requerimento na sede da Secretaria Municipal de Administração.

A realização das provas está marcada para o dia 18 de março, no horário das 09h00 às 13h00 e/ou 14h00 às 18h00. Para ter acesso o edital os candidatos poderão verificar através do site www.famw.com.br

Campanha de Alistamento Militar 2012 em Sumé-PB.


A Junta de Serviço Militar de Sumé comunica que está realizando a Campanha de Alistamento Militar 2012.

Deverão se alistar jovens do sexo masculino nascidos em 1994 ou em anos anteriores.
Quem não estiver em dia com o serviço militar não poderá inscrever-se em concursos públicos, ter registro em carteira profissional, obter passaporte, etc.

Informações na sede da Junta Militar, na Prefeitura Municipal na Avenida 1º de abril, s/nº, Centro. Telefone: (83) 3353-2274

SECRETARIA DE SAÚDE EM AÇÃO


O Secretario de Saúde Sr. Marcio Luiz P. Neves, com o seu trabalho sempre voltado na busca de assegurar uma saúde de qualidade de seus conterrâneos Umbuzeirenses e na tentativa de garantir os princípios do SUS: Universalidade - A Saúde é reconhecida como um direito fundamental do ser humano, cabendo ao Estado garantir as condições indispensáveis ao seu pleno exercício e o acesso a atenção e assistência à saúde em todos os níveis de complexidade. Eqüidade - É um princípio de justiça social porque busca diminuir desigualdades. Isto significa tratar desigualmente os desiguais, investindo mais onde a carência é maior. Integralidade- onde a garantia do fornecimento de um conjunto articulado e contínuo de ações e serviços preventivos, curativos e coletivos, exigidos em cada caso para todos os níveis de complexidade de assistência. Engloba ações de promoção, proteção e recuperação da saúde, a todos do município consegue aumentar numero de exames laboratórios, sem trazer ônus ao município; pois já se encontravam pactuados junta as nossas referencias do SUS, onde em um trabalho de articulação consegue resgatar vagas que se encontravam ociosas eram atendidos mensalmente uma média de 60 pacientes, hoje com seu trabalho articulador estamos atendendo uma média de 120 pacientes mês, e um fato importante é que os mesmos não necessita se deslocar para as coletas pois são realizadas no nosso município.


Apenas sete habitantes vivem em 'cidade fantasma' no sertão do Ceará


Distrito fica a 27 quilômetros da Zona Urbana de Parambu. O único acesso é por estrada piçarra (Foto: André Teixeira/G1)Distrito fica a 27 quilômetros de Parambu. O único acesso é por estrada de piçarra

O distrito de Cococi perdeu o status de cidade em 1979 e hoje pertence ao município de Parambu, no sertão dos Inhamuns do Ceará. Sete pessoas de duas famílias vivem na ex-cidade que já abrigou duas mil pessoas. Só restaram duas casas e a igreja entre as ruínas. ''Não acontece nada na maior parte do ano”, diz Maria Lobo, uma das moradoras.
A cidade é de grande importância para a história da região dos Inhamuns. De acordo com a diretora do Museu dos Inhamuns, Dolores Feitosa, foi lá que chegaram os primeiros habitantes a essa área do sertão cearense.
Para Clenilda, na maior parte do ano não "acontece nada" em Cococi. (Foto: André Teixeira/G1)Para Clenilda, na maior parte do ano não "acontece
nada" em Cococi
O lugar começou a declinar por causa das estiagens. “As pessoas foram saindo atrás de melhores condições de vida para seus filhos, para que eles pudessem estudar em centros mais desenvolvidos, porque Cococi estagnou”, diz a curadora do museu.
Os moradores contam que o terceiro e último prefeito da ex-cidade deu um calote na população e fez uso irregular de verba pública, o que revoltou e fez com que o restante da população abandonasse o local.
Atualmente, as poucas casas do local estão ruínas. A vegetação destruiu a câmara municipal e a prefeitura. O telhado da maior parte das casas já desabou e o moinho de vento não puxa mais água para os sete moradores que ainda habitam o local.
Somente duas casas e a igreja estão conservadas. Maria Clenilda Lobo, de 40 anos, é matriarca de uma das famílias do Cococi. Ela mora com dois filhos e vivem da agricultura de subsistência. Para Maria, Cococi é uma “cidade fantasma onde não acontece nada na maior parte do ano”.
Igreja fica lotada durante novenário e "muda a cara" de Cococi (Foto: André Teixeira/G1)Igreja fica lotada durante novenário e "muda a cara"
de Cococi
Já Ana Cláudia, dona de casa e chefe da segunda família do distrito de Cococi, pensa diferente. “Aqui sempre vêm historiadores, pesquisadores interessados na história do Cococi. Também temos sempre visita de pessoas que vêm gravar entrevista e filme por aqui”, diz Ana.
De 29 de novembro a 8 de dezembro, Cococi realiza um novenário que “muda a cara do local”, como diz Ana Cláudia. O distrito recebe cerca de 300 pessoas por dia, que lotam a igreja de Nossa Senhora. A igreja é preservada pelas duas famílias de Cococi e é o prédio mais conservado da área.
Os católicos vêm das cidades vizinhas e criam um comércio paralelo durante os dias do novenário. Maria Clenilda aproveita a lotação para vender churrasco, cerveja e refrigerante. Em um dia de missa ela consegue cerca de R$ 80. O que ela ganha durante os 11 dias da novena é mais do que durante todo o resto do ano.
Fonte: G1

FOTOS CHOCANTES: VAZAM NA INTERNET, AS IMAGENS DA DONA DE CASA QUE TEVE A PELE E OS OLHOS ARRANCADOS


Geralda Lúcia Ferraz Guabiraba, encontrada morta na estrada Santa Inês, em Mairiporã, na Grande São Paulo, no sábado (14).

De acordo com a delegada, a possível sequência da morte da dona de casa é a seguinte: primeiro ela foi sedada, em seguida morta com o profundo corte no pescoço e só depois teve o rosto desfigurado, com a pele e os olhos arrancados. Pela quantidade de sangue encontrado junto à Pedra da Macumba, onde o corpo foi localizado, na Estrada de Santa Inês, já em Mairiporã, a vítima deve ter sido morta no local. 

Também foi encontrado sangue no tampão do porta-malas do carro da mulher, mas tudo indica que as manchas foram geradas por algum tecido ensanguentado. E todo o procedimento para executá-la pode ter durado entre 5 a 20 minutos, na estimativa da perícia. Na véspera de morrer, Geralda usou o computador para buscar informações sobre um veneno contra rato conhecido como chumbinho e sobre a morte de pessoas que ingeriram o produto, segundo as investigações. A polícia aguarda o laudo da perícia para saber se um dos frascos encontrados no carro dela tinha restos dessa substância.
Cortes

Pela prévia à qual ela teve acesso, também já é possível afirmar que os cortes no rosto da vítima foram feitos por alguém com alguma prática no manejo de instrumentos cortantes, como facas ou bisturis, mas que não se trata necessariamente de um especialista, como um cirurgião, por exemplo. A prévia indica ainda que a vítima também foi golpeada pelas costas, mas em momento algum esboçou reação, o que reforça a possibilidade de ela ter sido sedada antes de ser atingida.

Nesta quinta, tanto o padre da paróquia frequentada pela dona de casa quanto uma amiga da vítima foram ouvidos pela delegada. Ambos informaram à polícia que a mulher era uma pessoa muito religiosa e que não tinha qualquer contato com seitas de outras religiões. Uma terceira pessoa, que não teve a identidade revelada, será ouvida ainda nesta quinta, segundo a delegada.

A delegada também já havia analisado a lista de ligações telefônicas feitas por ela. O documento mostra que Geralda não conversou com nenhum desconhecido no dia em que foi morta. “No dia 13 ela só fez contato com o filho pelo celular. Também não recebeu nenhum telefonema, a não ser da residência no horário em que ela não estava mais em casa e provavelmente já estava morta”, afirmou Claudia.
Nesta quarta-feira (18), a polícia ouviu os depoimentos de três parentes e da empregada da família, e descobriu mais um detalhe: Geralda saiu de casa, horas antes de morrer, sem a aliança de casamento. Ela também deixou a bolsa, documentos e o celular. Ao todo, a polícia já colheu, até a noite desta quinta, o depoimento de nove pessoas no inquérito que apura o crime.

A polícia agora tenta identificar três homens que foram vistos na terça (17) no local do crime. Eles jogaram uma substância nas árvores mais próximas e derramaram um líquido ao redor da pedra na Estrada de Santa Inês. Um dos frascos que eles usavam tem um forte cheiro de óleo e ficou no local.

ATENÇÃO, AS IMAGENS SÃO MUITO FORTES!

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

BOA NOITE A TODOS!


Que Deus nos revele neste momento onde está o nosso coração para que possamos descobrir o que éimportante para a nossa vida.

Milagre: Americana esfaqueada é salva por silicone


Muita gente discute o uso de silicone para aumentar os seios, questionando se eles são, de fato, seguros ou não.
Silicone salvou mulher
Silicone salvou mulher
Para uma americana de 41 anos, que não quer ser identificada, o silicone é tão seguro que até salvou a vida dela.
Tudo porque ela tomou uma facada de Amy Winter, atual namorada de seu ex.
A sorte da moça é que a faca penetrou o seio esquerdo, mas ficou presa no silicone, o que impediu um ferimento mais grave.
Segundo a emissora de TV americana WESH, a mulher comentou que valeu a pena gastar R$ 10 mil (US$ 6 mil) colocando as próteses.
O médico que colocou o silicone nela afirmou que ela estaria morta sem as próteses.

Advogado de falsa grávida divulga foto da mulher sem a barriga Defensor dá entrevista e diz que presentes recebidos serão doados. Marido já devolveu os R$ 520 que ganhou de colegas de trabalho.

Mulher sem a barriga e antes, quando dizia esperar quadrigêmeos (Foto: (Fotos: Enilson de Castro/Divulgação e Rogério Marques/O Vale/AE))Mulher sem a barriga e antes, quando dizia esperar quadrigêmeos (Foto: (Fotos: Enilson de Castro/Divulgação e Rogério Marques/O Vale/AE))Mulher sem a barriga e antes, quando dizia esperar quadrigêmeos (Foto: (Fotos: Enilson de Castro/Divulgação e Rogério Marques/O Vale/AE)) O advogado de defesa da pedagoga Maria Verônica Aparecida, de 25 anos, que ficou conhecida em todo o Brasil após apresentar uma falsa gravidez de quadrigêmeos, divulgou nesta segunda-feira (30) em Taubaté, cidade do interior paulista, uma foto de sua cliente sem a falsa barriga. Ele também informou que a pedagoga doará os presentes que ganhou nesta terça-feira (31) para uma ONG da cidade, que cuida de crianças e adolescentes carentes. saiba mais Falsa grávida de quadrigêmeos vai à polícia nesta semana, diz advogado Gestação de quadrigêmeos era farsa, diz advogado de 'supergrávida' "Eu tirei essa foto no meu escritório assim que saímos da delegacia, na sexta-feira passada. Acho que, assim, a gente resolve mais um capítulo dessa história, que era mostrar a Maria Verônica sem a barriga", afirmou o advogado Enilson de Castro. Quanto aos presentes recebidos, segundo o advogado, eles serão doados para um abrigo chamado Casa do Caminho. O local funciona em Taubaté e foi indicado à Maria Verônica pela Vara da Criança e do Adolescente da cidade.

EXTRA: 15 municípios do Cariri receberão 800 cisternas em convênio do Consórcio Intermunicipal de Saúde


Está aprovado um projeto enviado pelo Cisco ao Ministério do Desenvolvimento Social que contemplará 15 cidades do Cariri com a construção de cisternas. A ação foi coordenada pelo prefeito de Sumé e presidente do Consórcio Intermunicipal de Saúde, Dr. Neto Duarte.
Ao todo 800 cisternas serão distribuídas para todos os municípios do Cariri Ocidental com exceção de Camalaú e o Congo. O projeto demandará um investimento de R$ 1.369.592 e a verba deverá ser liberada nos próximos dias.
O técnico responsável pelo projeto, Sérgio Cordeiro, revelou que a construção das cisternas se dará em quatro etapas. Segundo ele, o início dos trabalhos junto aos beneficiários já deve começar em fevereiro.
As cidades que receberão o maior número de cisternas serão Sumé, Zabelê e Serra Branca, cidades que proporcionalmente contribuíram mais com o Cisco em 2011.
Confira quantas cisternas receberão cada cidade do Cariri:
Serra Branca: 76
Sumé: 134
Amparo: 50
Gurjão: 37
Livramento: 55
Ouro Velho: 36
Parari: 47
Prata: 39
São José dos Cordeiros: 49
São João do Tigre: 45
São Sebastião do Umbuzeiro: 46
São João do Cariri: 45
Zabelê: 79
Monteiro: 16
Coxixola: 46
De Olho no Cariri

Cantor da Limão com Mel faz show hoje na despedida de Padre Carlinhos em Monteiro


O cantor Batista Lima, vocalista da banda Limão Com Mel, e que paralelamente se apresenta com a banda Farol interpretando músicas Gospel, será a atração da noite desta segunda-feira (30) na cidade de Monteiro, na festa de despedida dos Padres Carlinhos e Artur.
Após 10 anos à frente da Paróquia de Monteiro, Padre Carlinhos foi removido para a cidade de Campina Grande, de onde é natural, e assumirá o comando da Igreja da Sagrada Família, no bairro das Malvinas. Junto com Padre Carlinhos, segue o também Padre Artur que prestou relevantes serviços a comunidade católica de Monteiro.
Padre Carlinhos se destacou à frente da Paróquia de Monteiro pelo excelente trabalho realizado junto aos mais jovens, incentivando os EJC (Encontro de Jovens Com Cristo), merecendo destaque a descentralização das atividades religiosas através da construção de dezenas capelas na periferia de Monteiro e na zona rural.
Com a saída de Padre Carlinhos, a Paróquia de Monteiro ficará aos cuidados do Padre José Marcos, que atualmente exerce suas atividades sacerdotais no município de Fagundes.
Com Vitrine do Cariri